Já foi assunto.

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Entrevista com @nandawho


Sendo intercambita
Imagina uma pessoa que desde seus 13 anos sonhava em fazer intercâmbio e finalmente aos seus 18 anos consegue conquistar o seu sonhos. Pois é essa pessoa se chama Fernanda Duarte, Passou 10 meses nos EUA fazendo High School - Senior year e todo seu intercâmbio foi gravado pelo seu blog Sendo Intercambista. Ela conta como foi passar 10 meses em um lugar totalmente diferente, tirou todas as nossas duvidas sobre o intercâmbio, mesmo com o término do intercâmbio ela continua tirando nossas duvidas sempre sendo super atenciosa.
Ela nos emocionou falando sobre o amor que sente pela sua mãe e fez nossos corações sentirem a dor de um Até Logo, que ela teve que dar a sua Host Family.  
 Vamos conhecer um pouco mais da Fernanda?!


Blog
1. Qual foi a sua maior intenção em fazer o blog ?
R: Comecei a fazer o blog com a mera intenção de de alguma forma 'registrar' meu intercâmbio e para também poder manter minha família informada de tudo o que estava acontecendo comigo, para matar um pouquinho a saudade sabe?

2. O seu blog foi um dos 10 escolhidos no site Capricho, você esperava por isso?
R:  Na verdade não!Eu vi que a capricho tinha aberto inscrições e que iria avaliar os blogs inscritos para fazer a lista e resolvi escrever o meu.Pensei que seria legal aparecer por lá pra quem quisesse saber um pouquinho de intercâmbio mas não esperava que fossem realmente escolhê-lo!

3. Quando você viu o número de seguidores aumentarem, tanto no twitter quanto no blog, qual foi a sua reação ?
R: Nossa fiquei muito surpresa!Eu realmente não esperava que as pessoas iriam gostar tanto do blog!Fiquei muito feliz de saber que eu poderia de certa forma ajudar :)

4. Seu blog deu aquele empurrãozinho básico nos sonhadores (em mim também ) como você se sente?
R: Me sinto honrada por receber esse 'título'.Acho que é como aquela frase diz, 'devemos acreditar na beleza de nossos sonhos e na nossa capacidade de realizá-los'.Acredito que independente de tudo e de todos, sempre temos que acreditar em nós mesmos e defender as coisas que acreditamos.Sonhar 'de olhos abertos' :)

5. Já acabou seu intercâmbio e seus objetivos são outros, vai continuar com o blog ou vai fazer outro com assunto totalmente diferente?
R: Acho que citei uma vez em um post que eu não iria apagar o blog que uma vez serviu muito como ajuda para futuros intercambistas, em vez disso, pensei em deixá-lo sempre aberto e atualizando sempre que possível com informações para ajudar as pessoas que querem fazer intercâmbio.Penso em mostrar blogs/páginas de novos intercambistas e exclarecer as coisas que ficaram meio vagas.Sobre um novo blog, penso em fazer um contando minha experiência na faculdade.


Intercâmbio
1. Você ficou sabendo com que família iria ficar, poucos dias antes de viajar isso Te deixou mais ansiosa?
R: Acho que fiquei sabendo sobre a minha host family umas duas semanas antes do dia que eu deveria embarcar.Eu já estava animada antes de saber, depois então...!A primeira coisa que fiz foi procurá-los no facebook para poder conhecê-los.

2. Sua host family Te surpreendeu durante esses 10 meses? Conte um pouco da relação de vocês.
R: Eles sempre foram todos muito carinhosos comigo e eu sempre de surpreendia.Quando eu achava que não poderia melhorar, eles davam um jeito.Minha host mom fazia todas as minhas vontades e ela e meu host dad sempre me tratavam como filha.Eles sempre planejavam viagens para fazermos para que eu pudesse conhecer o máximo que eu pudesse do país.Eles sempre foram maravilhosos responsáveis.Pais meeeeesmo!

3.sua relação com a Karoline é muito forte e linda. você pensou que faria uma Irmã no seu intercâmbio?
R: Antes de ir pra lá eu já sabia que teria uma irmã de outro país, isto me deixou mais empolgada ainda e fiquei super ansiosa pra conhecê-la.Eu achei que faria uma amiga para a vida toda mas no fundo, foi mais do que isto, acabei ganhando uma irmã mesmo!

4. Como foi a sua adaptação nos EUA?
R: Nos primeiros 3 meses, tudo era muito diferente e mesmo com as coisas que eu já sabia que veria (como as líderes de torcida, festas da escola...) eu sempre me surpreendia.Depois de algum tempo, fui me acostumando com algumas coisas mas antes disso, o modo como agiam, os costumes, a cultura em si eram completamente diferentes das que eu estava acostumada e algumas vezes isso foi complicado mas com o tempo e com o suporte da minha host family eu fui me acostumando e vencendo as diferenças.

5. Você pretende visitar sua host family? E eles querem vir Ai Brasil?
R: Eu não sei sobre eles virem para o Brasil a não ser com exceção do meu irmão Kody, que me deixou a promessa da visita mas o convite que fiz á eles ficou aberto.Eu tenho planos de visitá-los mas não sei dizer em quanto tempo.


Pôs intercâmbio 
1. Depois de passar 10 meses em um lugar totalmente diferente, como foi sua readaptação ?
R: Foi mais fácil do que a adaptação nos EUA por que eu conheço as pessoas que estão aqui e esta é a minha cultura mas foi complicado não ter a mesma rotina de sempre e não ver as pessoas que eu estava acostumada.No momento em que cheguei aqui, eu já sentia muito a falta da minha host family.Eu sabia que veria minha família depois de algum tempo lá nos USA mas não sei o tempo que levará para que eu veja a minha host family.Sinto falta do lugar e até da comida de lá.

2. Sua vida deve estar cheias de novidades e correria. Pode fazer um resumo de como tem sido a sua vida?
R: Desde que cheguei, tenho me organizado para a faculdade e para possivelmente um trabalho.Comecei a fazer um curso pré-vestibular, estou terminando agora de tirar minha carteira de motorista e tenho feito academia.Fora que tenho matado a saudade da família e dos meus amigos rs.

3. Você postou no twitter que pretende fazer uma tattoo, fale mais sobre ela e qual o motivo de querer fazer?
R: Eu sempre tive vontade de fazer uma tatuagem mas não queria um desenho/frase ou coisa qualquer, gostaria de fazer algo que tivesse um significado e fosse diferente.Ainda não decidi cem por cento o que vai ser mas minha escolha mais recente foram pequenos pássaros, queria que representasse a 'liberdade' que temos de fazer nossas escolhas.

4. O que você mais sente falta dos EUA que não tem aqui no Brasil?
R: O que mais sinto falta de lá sem dúvida é da família mas não vou negar que sinto a falta de algumas lojas que eu costumava ir e de comidas que costumava comer rs.

5. Você pretende fazer outro intercâmbio mas para outro país ou até mesmo estado?
R: Não sei sobre um novo intercâmbio, mas planejo novas viagens no futuro.Eu sou do tipo de pessoa que não se contenta morando no mesmo lugar pro resto da vida (rs) acho que o sonho de muitas pessoas é ter sua própria casa em um lugar do mundo.Meu sonho agora é poder viajar e visitar todos os lugares que tenho vontade.

Deixe uma mensagem para os futuros sonhadores. 
Para os futuros sonhadores, eu repito o que disse lá em cima: Acreditem em vocês e não deixem que ninguém os diga que são incapazes.Cada escolha que fazemos é um passo á frente para os nosso sonhos.Quando temos foco e nunca esquecemos nossos objetivos, sempre acabamos por alcançar aquilo que queremos.Sejam fortes e nunca, nunca desistam.


2 comentários:

  1. Eu amei!!! meu sonho é fazer intercambio, tenho 13 anos, desde os 11 eu quero! tomara que se torne realidade né!

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Jennifer gostei muito do seu blog vou entrar nessa dieta e assim que começar surtir os resultados eu entro em contato com vc rsrsr bjs e até breve

    ResponderExcluir